Central de Notícias

Tópicos

Notícias gerais

Inteligência artificial pode detectar melanoma em fotos de campo amplo

   Compartilhar notícia

Os pesquisadores desenvolveram um novo programa de inteligência artificial (IA) que pode detectar efetivamente o melanoma potencial em fotos de campo amplo.

Lesões suspeitas sugestivas de melanoma em estágio inicial podem ser sinalizadas após a análise de fotografias tiradas com câmeras comuns na atenção primária ou pelos próprios pacientes. O diagnóstico de lesões cutâneas surgiu como uma das aplicações médicas mais promissoras da IA.

O sistema de IA foi treinado usando 20.388 imagens de campo amplo provenientes de 133 pacientes do Hospital Gregorio Marañón e do domínio público. Normalmente, as imagens eram clicadas por meio de uma variedade de câmeras do consumidor. As lesões nas imagens foram classificadas visualmente por consenso de 3 dermatologistas certificados.

O sistema de IA foi capaz de distinguir lesões suspeitas com:

Sensibilidade (verdadeiro positivo) de 90,3%;

Especificidade (verdadeiro negativo) de 89,9%; e

Precisão de 86,56%.

Soenksen LR, Kassis T, Conover ST, Marti-Fuster B, Birkenfeld JS, Tucker-Schwartz J, Naseem A, Stavert RR, Kim CC, Senna MM, Avilés-Izquierdo J, Collins JJ, Barzilay R, Gray ML. Usando aprendizagem profunda para detecção em nível de dermatologista de lesões suspeitas de pele pigmentada a partir de imagens de campo amplo. Sci Transl Med. 2021; 13 (581). doi: 10.1126 / scitranslmed.abb3652. PMID: 33597262


Comentários

Responder
Luísa Maria Camilo Teixeira Pinto Elyseu da Silva Violante
29 Abr 2021
Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais em 1984. Sou especialista em medicina Interna em Portugal. Posso inscrever-me? Melhores cumprimentos Luísa Violante